Introdução

A fisioterapia aplicada em ATM (articulação temporomandibular), cabeça e pescoço, é indicada para tratar diversas patologias, como disfunções têmporo-mandibulares, bruxismo, pós-cirurgias buco-maxilo-faciais, paralisia facial e cefaleias cervicogênicas.

Diferentes efeitos farmacológicos podem ser obtidos pela acupuntura e eletroacupuntura (utilização da eletricidade para estimular os pontos da acupuntura), tais como efeito analgésico, relaxante muscular, antidepressivo, antiinflamatório, estimulante da reparação, cicatrizações teciduais e para o auxílio de retorno da sensibilidade perdida em casos de ausência de lesão nervosa. Muitos profissionais buco-maxilos, ortodontistas e o próprio paciente não conhecem ou não sabem da importância deste tipo de tratamento.

No caso de reabilitação pós-cirurgica ortognática mandibular, por exemplo, o paciente apresenta normalmente parestesia em mento e lábio inferior; edema e dificuldade em abrir a boca.

Nestes casos o uso da fisioterapia bucal, associada com a eletroacupuntura, acelera o retorno da sensibilidade e a aquisição de abertura bucal normal, além da eliminação do edema.

Outra situação bem comum são os pacientes portadores do bruxismo. Eles se queixam que a dor muscular facial associada ou não com a dor articular, normalmente não melhora totalmente somente com a utilização da placa de mordida indicada pelo seu dentista.

Por ser uma parasonia (distúrbio do sono) ela não tem cura, porém pode ser assintomático quando, além do uso da placa de mordida, o paciente realiza a fisioterapia bucal e eletroacupuntura como complemento para o tratamento da contratura muscular facial e temporal. Técnicas que são provadas cientificamente, auxiliando para a eliminação dos sintomas e melhora na qualidade de vida destes pacientes.

Técnicas que são comprovadas cientificamente, como verão a seguir, auxiliando para a eliminação dos sintomas e melhora na qualidade de vida desses pacientes.